sábado, 16 de julho de 2011

ANJOS na torre de vigia



   Anjos!


   Essa figura mística sempre nos chamou a atenção. Seja um incrédulo ou um religioso, todos já paramos para refletir sobre esses personagens.

   Diversas religiões manifestam suas definições sobre esses seres: os cristãos, judeus, hindus, budistas, espíritas, mulçumanos, esotéricos, os que são ligados à prática da cabala e por aí vai. Isso mostra como esses seres mexem com a nossa fé e imaginação.

   Não é meu objetivo aqui dizer se eles existem de fato no mundo espiritual ou como é a divisão da sua hierarquia: anjos, arcanjos, serafins, querubins e assim por diante. Meu intuito é chamar sua atenção para o dia a dia, que eles estão por toda a parte, e quando você menos espera se apresentam para te servir e te ajudar.

   Falo de anjo como uma definição daqueles seres humanos que estão atentos para ajudar e se doar por alguém. Pessoas com esse espírito você encontra na sua casa, no seu trabalho, seus parentes, sua vizinhança ou qualquer grupo que você pertença. São pessoas que você não valoriza algumas vezes, pessoas que você pensa que o relacionamento esfriou tanto que se precisar de alguma ajuda, ela será a última pessoa que você irá contar. Pessoas que no dia a dia você se estressa, mas que em um dado momento da sua vida, se revela o que realmente são: Anjos.

   Pessoas, cujas almas estão na torre de vigia pela sua vida. Seres humanos que quando você entra em um período de tribulação, angústia e necessidade, revelam suas verdadeiras identidades: Angelus – mensageiros.

   Um salmo sapiencial muito conhecido é o Salmo 91. Nele está escrito:

Deus dará ordem aos seus anjos ao seu respeito, para que te guardem em todos os seus caminhos”.

   Acredito que esses anjos são seres espirituais. Mas também acredito que são os seus amigos, sua mãe, pai, irmão, colega de trabalho, namorada, líder religioso, ou mesmo um vizinho que você simplesmente diz: “bom dia, olá”.

   Fique atento a esses anjos, valorize sua relação com eles. E o melhor: Seja você também esse ser sagrado. Suba a torre de vigia, pois alguém pode precisar de você.

Pedro Henrique Curvelo

Julho de 2011

*Eu dedico este texto aos meus familiares, pastor, amigos, colegas de trabalho e vizinhos que me apoiaram na minha pós-cirurgia realizada no mês de julho de 2011.

Um comentário:

Alex Sandro Martins Belloni disse...

Bom texto meu amigo. Me fez refletir se estou sendo "anjo" para alguém.